Dr. Aldo Andrei Cardoso

Coloproctologia

Adicionar aos favoritos  |  Definir como sua página principal  |  Imprimir esta página  |

Home
Especialização
Consultório
Convênios atendidos
Principais doenças
da especialidade
Hemorróidas
Prevenção do câncer
de Cólon e Reto
Colonoscopia
Links úteis
Contato

Prevenção do Câncer do Cólon e do Reto


O câncer colo-retal abrange tumores que atingem o cólon (intestino grosso) e o reto. Em termos de incidência, é a terceira causa mais comum de câncer no mundo em ambos os sexos. No Rio Grande do Sul não é diferente, com estimativas para o ano de 2008 de 28,22 novos casos por 100.000 habitantes, em homens e 26,35 novos casos por 100.000 habitantes, em mulheres (fonte: INCA).

COMO PREVENIR?

Muito já sabemos sobre os principais fatores de risco para o câncer colorretal.

História familiar para este tipo de neoplasia, predisposição hereditária (como Polipose Adenomatosa Familiar (FAP) ou Câncer Colorretal Hereditário sem Polipose- HNPCC), idade acima de 50 anos, história prévia de pólipos ou câncer de intestino, história de câncer ginecológico (mama,ovário, útero), doenças inflamatórias do cólon como Retocolite Ulcerativa e Doença de Crohn. Uma dieta rica em gorduras de origem animal, pobre em fibras (frutas, verduras, alimentos integrais), a ingesta freqüente de álcool e de alimentos contendo substâncias químicas em excesso (conservantes e corantes artificiais), o hábito de fumar, sedentarismo e obesidade também aumentam o risco de câncer colorretal.

Adotando hábitos saudáveis de vida e realizando exames periódicos, é possível evitar o surgimento do câncer ou fazer o diagnóstico em estágio inicial, quando as chances de cura são superiores a 80%.

SINTOMAS DO CÂNCER DE INTESTINO

Os mais freqüentes são:

  • Sangramento pelo ânus;
  • Presença de sangue nas fezes;
  • Alteração no funcionamento do intestino;
  • Vontade freqüente de ir ao banheiro;
  • Cansaço, fraqueza e anemia;
  • Dor ou desconforto abdominal;
  • Perda de peso sem causa aparente.

Se você possui algum destes sintomas procure o seu médico para investigação.(fonte: Abrapreci)

EXAMES PREVENTIVOS

Como os sintomas geralmente aparecem quando o câncer já está desenvolvido, é fundamental realizar exames preventivos que detectam o câncer em estágios iniciais (com grande chance de cura) ou lesões precursoras, como os pólipos.

Pólipos são lesões benignas, com aparência de verruga, que se desenvolvem na mucosa ( revestimento interno) do intestino. Geralmente não causam sintomas e são descobertos durante o exame de colonoscopia, sendo então retirados e examinados, impedindo o desenvolvimento do câncer.

A recomendação atual é que pacientes com mais de 50 anos devam fazer pesquisa de sangue oculto nas fezes anualmente e se submeter a exames (proctológico com retossigmoidoscopia e colonoscopia a cada 5 anos). Indivíduos pertencentes a grupos de risco (história familiar de pólipos ou câncer de intestino, doença de Crohn ou retocolite ulcerativa, história de câncer de mama, ovário ou útero) devem começar a prevenção aos 40 anos ou antes (fonte: Sociedade Americana de Cirurgiões de Cólon e Reto).



Rua Tupi, 951 - Edifício Med Center - 5º Andar - Sala 503 - Novo Hamburgo/RS/BR - CEP 93320-050
Fone (51) 3065-1654 - Fone/Fax (51) 3065-1205
Homepage http://www.aldocardoso.com.br - E-mail contato@aldocardoso.com.br


Webmaster Daniela Rossi